[Dica de Marketing] Técnica do Senso de Urgência

senso de urgencia Vamos combinar, quantas vezes você não deixou para entregar alguma coisa de última hora? Muitas, não é mesmo? Isso acontece porque não havia o senso de urgência para fazer ou entregar a tarefa.

Neste post vou te explicar com o senso de urgência pode ser útil na hora de converter suas vendas e trazer resultado para o seu negócio. 

O senso de urgência cria um estímulo na mente de seu consumidor para que ele execute uma ação em um curto espaço de tempo. Um exemplo clássico é o da Black Friday, em que os descontos são válidos por 24h fazendo com que a pessoa compre naquele momento.

Em suma, o objetivo principal é fazer com que a decisão de compra seja tomada para algo que talvez eles não fossem comprar mas que graças a oportunidade positiva, a ação foi executada.

Algumas táticas para você criar o Senso de Urgência:

1) Cronômetro da Oferta

Ao disponibilizar um cronômetro com uma contagem regressiva em seu Hotsite, você acaba por limitar o tempo que o cliente tem para fazer uma compra e se beneficiar da oferta.

2) Estoque acabando

Avise quando seu produto estiver acabando, esta é uma forma de acelerá-lo para fechar a compra contigo. Esta prática é muito feita por casas de shows que vão anunciando quando os ingressos estão para acabar.

Se você estiver usando o Prizor, a tela de estoque pode te ajudar a criar o senso de urgência uma vez que conforme os prêmios vão sendo retirados a tela vai mostrando.

3) Produtos Indisponíveis

Esta técnica é muito utilizada em lojas de varejo de vestuário, em que os sites vão mostrando a indisponibilidade de tamanhos e cores. Esta indisponibilidade demonstra o quanto seu produto está sendo cobiçado naquele momento e estimula o cliente a também adquirir algo antes que acabe.

Estas técnicas podem ser utilizadas em combinação na hora de criar o seu senso de urgência. Aproveite e utilize notificações de push up em seus apps e também SMS para poder avisar seus clientes sobre suas ofertas relâmpago e determine prazos curtos para a retirada do benefício.

Comentários

Comentários

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *